Diretor-presidente da EMBRAPA estará na sede da ASPLAN para assinar termo de cooperação técnica

Os produtores de cana da Paraíba terão, dentro em breve, mais motivos para acreditar no real desenvolvimento da cultura no Estado. Isto porque, no próximo dia 19, o diretor-presidente da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária – EMBRAPA, Pedro Arraes, estará em João Pessoa para firmar um termo de cooperação técnica com o Governo do Estado, através da Empresa Estadual de Pesquisa Agropecuária da Paraíba (Emepa) para garantir a fitosanidade nos campos, a eficiência dos sistemas de fertirrigação e de produção, e realizar o levantamento pedológico do tabuleiro costeiro paraibano e auxiliar os produtores no melhoramento de outros pormenores que envolvem a colheita o planejamento estratégico do agronegócio. A solenidade de assinatura do documento está programada para acontecer às 10h, no auditório da Associação dos Plantadores de Cana da Paraíba (Asplan), localizado na Rua Rodrigues de Aquino, 267, Centro.

Segundo o secretário adjunto de agricultura do estado, Rômulo Montenegro, a expectativa é de que o Governador da Paraíba, Ricardo Coutinho, também participe do evento, acompanhado de representantes da Emepa e de própria secretaria de agricultura do estado. De acordo com Rômulo Montenegro, o objetivo do Governo é o de implementar o Planejamento Estratégico da Agricultura, já em fase de elaboração pela Fundação Getúlio Vargas, em São Paulo. “Durante a conferência da agricultura em 2011, elencamos cinco cadeias produtivas no estado para receber reforços e a cana-de-açúcar é uma delas. Assim, a expectativa é de que o próprio governador esteja presente na solenidade e receba Pedro Arraes”, explicou o secretário.

Além da cooperação entre a EMBRAPA e a Emepa, cuja contribuição será a de oferecer técnicos com conhecimentos específicos na área de cana-de-açúcar para o desenvolvimento de pesquisas, a parceria também deve contar com o apoio da Asplan e do Sindicato da Indústria do Álcool – Sindalcool, que devem disponibilizar áreas para os experimentos e demais instrumentos necessários para a viabilização das pesquisas que serão realizadas. Para o presidente da Asplan, Murilo Paraíso, a cooperação entre os órgãos de pesquisa deve fortalecer a cultura da cana no estado com o desenvolvimento de novas variedades mais resistentes e de fácil adaptação do clima nordestino. “Com a iniciativa, vamos finalmente fazer o estudo de nossos solos para no futuro plantar variedades especificas para nosso próprio ambiente”, disse o dirigente.

Murilo destacou ainda  que a cooperação também visa a melhoria de todo o sistema de produção dos campos paraibanos, incluindo a irrigação e a transição da colheita manual para a mecanizada, além do zoneamento das áreas de cana. “Com esses convênios vamos aprimorando nossas técnicas e possibilitando a melhoria de nossos canaviais, que há tempos estão carentes de pesquisas para o seu fortalecimento”, frisou Murilo, lembrando a época em que o Planalçúcar e do IAA lideravam os estudos do setor sucroenergético no país. A conquista da celebração da cooperação técnica da EMBRAPA e a Emepa para o fortalecimento da cultura da cana no estado foi fruto de uma reunião ocorrida no dia 20 de março em  Brasília entre a Asplan, representada pelo seu diretor adjunto, José Inácio de Morais Andrade, a Secretaria de Estado da Agricultura, por meio de seu secretário adjunto, Rômulo Montenegro, e a EMBRAPA, através de seu Diretor Presidente, Pedro Arraes.

News – Assessoria & Comunicação
Jornalista responsável: Eliane Sobral (DRT-PE 1993)
Repórteres:
Eliane Sobral (DRT-PE 1993)
Juliana Lichacovski (DRT-PB 2917)
Lusângela de Azevedo (DRT 4744/02-40)
Contato: (83) 3221-8829/ 3221-8830
e-mail: esnews@terra.com.br” target=”_blank” moz-do-not-send=”true”>esnews@terra.com.br/esnews@terra.com.br/news@newscomunicacao.com.br” target=”_blank” moz-do-not-send=”true”>news@newscomunicacao.com.br
Twitter: @Elianenews