Abertura de uma filial da COAF na Paraíba trará benefícios para os produtores que plantam cana-de-açúcar no estado

Adquirir insumos, equipamentos e demais produtos agropecuários com preços mais acessíveis. Esse é um dos benefícios conseguidos pelos plantadores de cana de Pernambuco, desde que foi criada a Cooperativa Regional dos Fornecedores de Cana (Coaf). E a expansão destes benefícios do cooperativismo rural pode estar perto de se tornar uma realidade para os produtores de cana-de-açúcar paraibanos. Essa possibilidade foi debatida durante uma reunião, realizada na última segunda-feira (17), na sede da Associação dos Plantadores de Cana da Paraíba (Asplan).

Na ocasião, o presidente da Coaf, Alexandre Lima, se reuniu com a diretoria da Asplan para expor as vantagens advindas da Coaf e ver a viabilidade da abertura de uma filial na Paraíba. Segundo ficou definido no encontro, serão realizados estudos para analisar a viabilidade da implantação deste empreendimento. Segundo Alexandre, através da Coaf, a Associação dos Plantadores de Cana de Pernambuco (AFCP) tem conseguido baixar preços de insumos de fabricantes e outros produtos, comercializando-os com cooperativados por preços diferenciados do mercado em geral.

O presidente da Asplan, Murilo Paraíso, reconhece que o poder de negociação é bem maior quando as compras são cooperativadas. “Em cooperativas, os produtores ampliam sua capacidade de negociação e, consequentemente, os valores tendem a ficar mais acessíveis e abaixo dos praticados no mercado, daí termos interesse de poder contar com uma filial da Coaf aqui na Paraíba”, disse ele, lembrando que isso vai depender dos resultados dos estudos de viabilidade de implantação de uma filial da Coaf em solo paraibano. “Vamos aguardar a conclusão deste levantamento, mas, de antemão, já digo que somos plenamente favoráveis a essa iniciativa”, finaliza Murilo.