Asplan e Senar reunem-se para conhecer as opções de capacitação par os trabalhadores do campo

 

É por compreender que o trabalho no campo também deve vir associado à segurança no trabalho que a direção da Associação dos Plantadores de Cana da Paraíba (Asplan) reuniu-se, nesta terça-feira (10), na sede da associação, com o Chefe do Departamento de Educação Profissional do Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar) na Paraíba, Carlos Alberto Patrício da Silva. O objetivo do encontro foi o de conhecer as capacitações oferecidas pelo órgão voltadas para a garantia de práticas de trabalho seguras nos campos de cana-de-açúcar. Durante o encontro, três cursos chamaram a atenção dos presentes, dispostos a compor turmas de até 15 pessoas através da Asplan. A capacitação para a Operação de Trator, por exemplo, já tem demanda suficiente para formar turma já nos próximos 15 dias.

Segundo Carlos Alberto Patrício, além do curso para operação de tratores, o Senar também pretende, junto à Asplan, formar turmas para a prevenção de acidentes com agrotóxico e para a aplicação do produto nos campos. “Com essas capacitações, o funcionário, mesmo analfabeto, que não compreende o que está escrito sobre o manuseio do agrotóxico, vai operar o produto com mais segurança e vai evitar acidentes”, disse o Patrício, frisando que as capacitações já são realizadas com sucesso nas usinas. “Agora estamos nos voltando também para os fornecedores de cana, que também precisam capacitar seus funcionários para evitar acidentes de trabalho”, disse.

 Durante o encontro, o presidente da Asplan, Murilo Paraíso, ressaltou a relevância da iniciativa para a melhoria do trabalho no campo. “O importante é darmos o primeiro passo, até porque, no futuro, teremos os campos dotados de equipamentos tecnológicos e que vão demandar não só mais habilidade técnica, mas também mais rigidez no que se refere às práticas de segurança no trabalho”, afirmou o dirigente, defendendo que os treinamentos sejam sempre contínuos para o melhoramento também dos campos de cana. “Vamos formar as primeiras turmas. Depois tudo ficará mais fácil porque as pessoas já conhecerão a dinâmica e procurarão com mais frequência as capacitações”, destacou.

As primeiras turmas para os cursos de Operação de Trator, Prevenção de Acidentes com Agrotóxico e Aplicação de Agrotóxico nos campos, devem ser formadas ainda neste mês de abril. “Todos os três treinamentos são importantes para os fornecedores de cana que empregam trabalhadores em seus campos. O destaque tem sido o curso de Operação de Trator porque existem muitos trabalhadores que são analfabetos e que não têm habilitação para dirigir, mas que, mesmo assim, dirigem nas propriedades”, disse ele.  Conforme o Chefe do Departamento de Educação Profissional do Senar na Paraíba a expectativa é de que as capacitações tenham a duração de pelo menos um dia, quando os trabalhadores terão acesso a conhecimentos práticos e teóricos ministrados por um técnico designado pelo Senar.

News – Assessoria & Comunicação
Jornalista responsável: Eliane Sobral (DRT-PE 1993)
Repórteres:
Eliane Sobral (DRT-PE 1993)
Juliana Lichacovski (DRT-PB 2917)
Lusângela de Azevedo (DRT 4744/02-40)
Contato: (83) 3221-8829/ 3221-8830
e-mail: esnews@terra.com.br” target=”_blank”>esnews@terra.com.br/esnews@terra.com.br/news@newscomunicacao.com.br” target=”_blank”>news@newscomunicacao.com.br
Twitter: @Elianenews