Paraíba tem lugar de destaque na chapa de reeleição do atual presidente da CNA

No próximo dia 22 de setembro, o atual presidente da Confederação Nacional da Agricultura (CNA), João Martins da Silva Jr., será reconduzido ao cargo, numa eleição sem concorrentes. Participar de uma eleição sem disputa era, inclusive, uma exigência dele para que aceitasse a recondução ao cargo de dirigente de uma das mais importantes e influentes entidades de classe do Brasil. A reeleição do atual dirigente da CNA também coloca a Paraíba em evidência no cenário do agronegócio nacional, haja vista o segundo maior cargo da diretoria executiva, o de Secretário Geral Executivo, vir a ser ocupado pelo atual presidente da Federação da Agricultura e Pecuária da Paraíba (Faepa), Mário Borba, que já integra a atual cúpula da Confederação, num cargo de diretoria.

Para Mário Borba foi uma honra ter sido escolhido para compor a chapa de reeleição da diretoria da CNA, num cargo tão importante. “Isso aumenta ainda mais minha responsabilidade e dá uma projeção especial à Paraíba, afinal foi a partir de nosso trabalho aqui que nos projetamos em nível nacional”, argumenta Mário, que tem larga experiência no setor, onde atua a mais de 30 anos.

Além de compor a chapa da diretoria executiva da Confederação com um cargo de destaque, a Paraíba já desponta em nível nacional com projetos da CNA na área educacional. Dos 17 polos de educação profissional mantidos no país através da CNA, dois deles estão localizados na Paraíba, sendo um em Campina Grande e outro em João Pessoa. Recentemente, os polos foram auditados pelo Ministério da Educação (MEC) e as unidades da Paraíba obtiveram notas acima da média nacional, com pontuação 4, em Campina Grande e 5, em João Pessoa, numa escala de 3 a 5 pontos.

O vice-presidente da Associação dos Plantadores de Cana da Paraíba (Asplan), Raimundo Nonato que, na semana passada, se reuniu com o presidente da CNA, João Martins, e com o dirigente da Faepa, Mário Borba, durante visita itinerante da diretoria da Confederação à Paraíba, elogiou a indicação do nome de Mário Borba para compor a chapa da reeleição. “Isso sem dúvida é uma conquista importante para a Paraíba que terá numa entidade de projeção nacional e também mundial um representante paraibano, que conhece as nossas demandas, dificuldades e também oportunidades”, afirma Nonato, que também enalteceu a conduta do presidente da CNA em sair do eixo Sul/Brasília e olhar o país de forma descentralizada. “Esse projeto de visita itinerante é muito bom, pois permite que o dirigente veja a realidade das diferentes regiões do país e tenha uma visão macro dos potenciais de cada localidade. A direção da CNA está de parabéns pela iniciativa”, reiterou Nonato.