Produtor rural tem renegociação de dívidas como o BNB facilitada

Medida beneficia pequenos e médios produtores

Durante a 15ª reunião do Conselho Deliberativo (Condel) da Superintendência de Desenvolvimento do Nordeste (Sudene) realizada, recentemente, em Fortaleza, foram aprovados alguns ajustes no programa de aplicação do Fundo Constitucional de Financiamento do Nordeste (FNE), referente ao exercício de 2012. Entre as medidas anunciadas, destaca-se a possibilidade de renegociação de dívidas que pequenos e médios produtores têm com o Banco do Nordeste (BNB). A partir de agora, os produtores poderão renegociar suas dívidas com a instituição financeira em até 25% do valor real. Além disso, foram criados novos limites de financiamento para aquisição de matéria-prima, insumos e formação de estoques.

Outra decisão que deixou os produtores animados foi a implantação de uma linha especial de crédito para a estiagem, para a concessão de crédito de investimento, capital de giro, assim como custeio agrícola e pecuário. O limite de crédito varia de      R$ 12 mil a R$ 100 mil, com juros de até 3,5% ao ano.

“É uma medida muito importante, pois vai possibilitar que os produtores rurais que devem ao BNB possam renegociar seus débitos e voltar a ter crédito podendo retomar suas operações com o banco. Isso também movimenta a economia, pois significa mais recursos no mercado”, destaca o presidente da Associação dos Plantadores de Cana da Paraíba (Asplan), Murílo Paraíso.

 

News – Assessoria & Comunicação
Jornalista responsável: Eliane Sobral (DRT-PE 1993)
Repórteres:
Eliane Sobral (DRT-PE 1993)
Juliana Lichacovski (DRT-PB 2917)
Lusângela de Azevedo (DRT 4744/02-40)
Contato: (83) 3221-8829/ 3221-8830
Twitter: @Elianenews