Setor canavieiro paraibano comemora escolha do deputado Efraim Filho para liderança do DEM na Câmara dos Deputados em 2020

Com projetos importantes tramitando no Congresso, o setor sucroenergético prescinde de parlamentares que conheçam com mais propriedade a realidade e importância do setor e o deputado federal pela Paraíba, Efraim Filho, não apenas conhece a fundo o setor, como é um aliado das questões que promovam o desenvolvimento da cultura canavieira e da indústria sucroenergética nacional. Por isso, a escolha, por aclamação, nesta terça-feira (17), do parlamentar para a liderança da Câmara dos Deputados em 2020 foi muito bem recebida pela classe produtiva e industrial que tem nele um parceiro importante para construir caminhos e buscar soluções que promovam o desenvolvimento de ações e projetos fundamentais para o soerguimento e defesa do segmento. “Serei líder de uma bancada compromissada com as pautas econômica e social, de desenvolvimento, geração de emprego e renda”, reiterou o parlamentar após a sua escolha.

“Efraim Filho conhece como poucos a realidade de nosso setor e sabe da importância dele para o desenvolvimento do país, especialmente, no Nordeste, onde a cultura canavieira é um importante sustentáculo econômico e social, e por isso tem condições de defender e apoiar nossos pleitos. A escolha dele como líder do DEM na Câmara muito nos alegra, porque é a certeza de que teremos um aliado ainda mais articulado”, destaca o presidente da Associação de Plantadores de Cana da Paraíba (Asplan) José Inácio de Morais.

O deputado Efraim Filho foi escolhido, por aclamação, na noite desta terça-feira, (17), o líder do Democratas na Câmara dos Deputados, vai liderar uma bancada de 31 deputados. Ele substituirá Elmar Nascimento (BA), a partir de fevereiro de 2020, na volta do recesso parlamentar. Inicialmente, ele iria disputar com o deputado Alexandre Leite (SP), mas, um acordo foi construído para que o parlamentar paulista se retirasse da disputa. Efraim Filho, que está em seu quarto mandato, já foi líder do DEM na Câmara e saiu do cargo no início de 2018.

A escolha para comandar a legenda na Câmara não foi acirrada. Foi um consenso entre os parlamentares do Democratas na Casa. “Fico feliz em assumir novamente essa responsabilidade, que será desempenhada com serenidade o diálogo e equilíbrio na tomada de decisões e espero corresponder à altura da confiança dos integrantes de meu partido”, disse Efraim, lembrando que sob a condução do atual líder do DEM, deputado Elmar Nascimento, o partido contribuiu com o país, apoiando e votando em matérias a favor do emprego, da saúde, do combate à violência e ao crime organizado, entre outras questões importantes para a nação.