Vice-presidente da Asplan participa da abertura solene do 19º Seminário sobre cana-de-açúcar promovido pela Stab

mesaabertura nonato

mesaabertura nonatoRaimundo Nonato integrou a mesa de abertura do evento que começou hoje (05) e acontece até quinta-feira (07),  em Recife

A abertura dos trabalhos do 19º Seminário de Cana-de-açúcar promovido pela Sociedade dos Técnicos Açucareiros e Alcooleiros do Brasil (STAB/Regional Setentrional) contou com a presença de diversas autoridades ligadas ao setor sucroenergético da região. O vice-presidente da Associação dos Plantadores de Cana da Paraíba (Asplan), Raimundo Nonato, integrou a mesa da solenidade e discursou durante a abertura do evento que começou nesta terça-feira (05) e termina na próxima quinta-feira (07). O seminário acontece na sede da Associação dos Fornecedores de Cana de Pernambuco (AFCP), no bairro de Imbiribeira, em Recife (PE) com uma programação que inclui palestras sobre perspectivas e desafios da lavoura da cana, novas variedades, irrigação, censo varietal, fermentação, custos operacionais e outras novidades sobre maquinários e experiências de usinas.

Além de Raimundo Nonato, a mesa de autoridades na abertura dos trabalhos foi composta pelo representante do governador de PE, Gabriel Alves Maciel, pelo presidente da AFCP, Alexandre Lima, pelo presidente do Sindaçucar Renato Cunha,  Gerson Carneiro Leão, do Sindicape e Djalma Euzébio, da STAB. A palestra inaugural  do evento teve como tema “O Setor Sucroenergético do Nordeste e a Agricultura de Pernambuco”, com o palestrante Nilton da Mota, Secretário de Agricultura de PE, que discorreu sobre a atual situação da região e as perspectivas futuras do setor.

Em sua fala, antes da palestra, o vice-presidente da Asplan, parabenizou Djalma Euzébio, pela iniciativa de promover o evento, e Alexandre Lima, por ele possibilitar que ele fosse realizado na Casa do Plantador. “Esse tipo de evento é muito importante para o fornecedor de cana porque é num momento como esse que a gente tem acesso a novos conhecimentos e tecnologias que ajudam a melhorar nossa produtividade, de forma que parabenizo a STAB por essa iniciativa e o presidente desta Casa por possibilitar que um evento tão significativo como esse seja realizado aqui”, destacou Nonato, sendo bastante aplaudido.

O seminário é dividido em atividades industrial e agrícola. Na parte industrial, nesta quarta-feira (06), estão programadas as palestras sobre “Avaliação do uso do Ozônio na Fermentação Alcoólica”, com Jailson Ribeiro Carvalho, da Usina Monte Alegre e , “Solução Esco para martelos de Desfribrador”, por Leonardo Munck, da ESCO, entre outras. Na parte agrícola, a STAB incluiu uma palestra do pesquisador Djalma Euzébio Simões Neto, da UFRPE|RIDESA, sobre “Censo Varietal PE, PB, RN, PI E MA” e “Programas de Melhoramento Genético no Brasil e no Mundo: Evolução Tecnológica e Financiamento da Pesquisa”, com Guilherme Machado Rossi – Consultor de Melhoramento Varietal. Ainda terá exposições sobre fermentação, correção de solos, avaliação de variedades em áreas irrigadas, etc.

No dia 07, último dia o seminário, o público assistirá, dentre outros temas na área industrial,  à palestra “Dosificacao Do Polimero Cationico Vegetal e seus Benefícios como Bacteriostático, Clarificante e Otimizador da Troca de Calor”, com Ricardo Zicarelli, da Unitan , além de “Análise De Falhas Nas Colunas De Destilação de Etanol”, com o palestrante Marco Brito, da TEROTEC, entre outros assuntos importantes.  Já na área agrícola, terá a apresentação de cases e a apresentação de temas como “Desempenho das cortadeiras de cana-de-açúcar”, com José Heleno do Rego Barros, das usinas Cucau-PE e Utinga Leão-AL e  custo de mecanização e projetos de investimento, dentre outras.